Me Acharam?

QUERO QUE VOCÊ VEJA QUEM SOU: ESSA SOU EU: . TÁ ME VENDO?! NÃO?! VOU TE MOSTRAR DE NOVO: . AGORA VIU NÉ?! AINDA NÃO?! CHEGA MAIS PERTO E OBSERVA: . AGORA VIU, NÉ?! QUE BOM QUE ME ENXERGOU! EU SOU MESMO ESSE PONTINHO, NO MEIO DO UNIVERSO.

Céu e Inferno


Uma antiga história japonesa conta que, certa vez, um samurai desafiou um mestre Zen a explicar o conceito de céu e inferno.
Mas o monge respondeu-lhe com desprezo:
-Não passas de um rústico...não vou perder tempo com uma pessoa como você!
Atacado em sua honra, o samurai teve um acesso de fúria e, sacando a espada da bainha, berrou:
- Eu poderia matá-lo por sua impertinência.
-Isso – respondeu calmamente o monge – é o inferno.
Espantado com essa verdade o samurai embainhou a espada e fez uma mesura.
- E isso – disse o monge – é o céu.
O súbito despertar do samurai para seu estado de cólera mostra a crucial diferença entre alguém se ver preso a um sentimento e tomar consciência de que está sendo arrebatado por ele. A isso chamamos hoje inteligência emocional;
a consciência de nossos sentimentos quando eles ocorrem.

Uma semana com muita inteligência emocional para todos nós, bju!